PT e PSOL anunciam que não irão à posse de Bolsonaro

0
43

O PT e o PSOL anunciaram nesta sexta-feira (28) que não vão participar da posse de Jair Bolsonaro na próxima terça-feira (1º).

Em nota, o Partido dos Trabalhadores disse que a “lisura do processo eleitoral de 2018 foi descaracterizada pelo golpe do impeachment, pela proibição ilegal da candidatura do ex-presidente Lula e pela manipulação criminosa das redes sociais para difundir mentiras contra o candidato Fernando Haddad”.

O PT chegou a pedir a impugnação da candidatura de Bolsonaro, antes do segundo turno, após uma reportagem da Folha afirmar que empresas estariam financiando a divulgação de mensagens por WhatsApp contra o partido.

“O resultado das urnas é fato consumado, mas não representa aval a um governo autoritário, antipopular e antipatriótico, marcado por abertas posições racistas e misóginas, declaradamente vinculado a um programa de retrocessos civilizatórios”, diz o texto, assinado pela presidente do partido, Gleisi Hoffmann, e as lideranças do PT na Câmara e no Senado.

Ainda segundo o comunicado, o “ódio do presidente eleito contra o PT, os movimentos populares e o ex-presidente Lula é expressão de um projeto que, tomando de assalto as instituições, pretende impor um Estado policial e rasgar as conquistas históricas do povo brasileiro”.

O presidente nacional do PSOL, Juliano Medeiros, por sua vez, divulgou por sua conta no Twitter que a bancada do partido não participará da cerimônia de posse por já ter dado início à “resistência”.

“Como é de praxe, o TSE convidou toda a bancada do PSOL para a posse do novo presidente. Mas como prestigiar alguém que despreza os direitos humanos, promete colocar o Brasil de joelhos diante dos EUA e destruir os direitos sociais? Não vamos à posse. Nossa resistência já começou”, escreveu.

Até o início da tarde, o presidente eleito, seus filhos e aliados não haviam comentado a decisão dos partidos de oposição de não irem à posse.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui